:MP pede pris?o de mulher com coronav?rus que foi ao trabalho e ? festa, em Foz do Igua?u

MP pede pris?o de mulher com coronav?rus que foi ao trabalho e ? festa, em Foz do Igua?u - TV Na Rua CornelioDigital MP pede pris?o de mulher com coronav?rus que foi ao trabalho e ? festa, em Foz do Igua?u - TVNaRua Cornelio Digital - Notícias, Eventos e Entretenimento
MP pede pris?o de mulher com coronav?rus que foi ao trabalho e ? festa, em Foz do Igua?u

Segundo a promotoria, o caso era suspeito quando a paciente atendeu em clínicas veterinárias e participou da festa de socialites com 200 pessoas, quando deveria estar em quarentena.

O Ministério Público do Paraná (MP-PR), em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, pediu à Justiça nesta segunda-feira (23) a prisão domiciliar ou a aplicação de alguma medida restritiva para uma mulher, de 33 anos, que teve o primeiro caso de Covid-19 do município.

De acordo com o promotor Luís Marcelo Mafra, a paciente, que é médica veterinária, trabalhou em Foz do Iguaçu e em Santa Terezinha de Itaipu, também no oeste, mesmo sabendo que estava com a suspeita da doença. Além disso, participou de uma festa com cerca de 200 pessoas durante o período que deveria estar em quarentena.

Conforme a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), o Paraná tem 54 casos confirmados e 1.354 suspeitos do novo coronavírus. Foz do Iguaçu tem quatro casos confirmados e 57 sendo investigados, segundo o último boletim divulgado no domingo (22).

O promotor disse ainda que a festa de quatro socialites, em que a mulher participou, ocorreu no dia 14 de março. Após o caso suspeito ser confirmado, várias pessoas que estiveram no evento ficaram preocupadas por poderem ter sido contaminadas.

Uma das clínicas veterinárias em que a paciente prestava serviços emitiu uma nota de esclarecimento e suspendeu as atividades por cinco dias.

O caso

O primeiro caso do novo coronavírus em Foz do Iguaçu foi confirmado no dia 18 de março, segundo a Sesa.

A paciente, que está sendo investigada pelo MP-PR, tinha viajado para o Reino Unido em fevereiro, começou a sentir os sintomas no início de março e retornou para Foz do Iguaçu, onde mora.

Conforme a secretaria, quando o caso tinha sido confirmado, o quadro clínico da mulher foi considerado leve.

Visualizações 19
Fonte: G1
Por: Reda??o
Data: 23/03/2020 18h11min

« anteriorpróximo »

« anterior [1]  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14  15  16  17  18  19  20  21  22  23  24  25  26  27  28  29  30  31  32  33  34  35  36  37  38  39  40  41  42  43  44  45  46  47  48  49  50  51  52  53  54  55  56  57  58  59  60  61  62  63  64  65  66  67  68  69  70  71  72  73  74  75  76  77  78  79  80  81  82  83  84  85  86  87  88  89  90  91  92  93  94  95  96  97  98  99  100  101  102  103  104  105  106  107  108  109  110  111  112  113  114  115  116  117  118  119  120  121  122  123  124  125  126  127  128  129  130  131  132  133  134  135  136  137  138  139  140  141  142  143  144  145  146  147  148  149  150  151  152  153  154  155  156  157  158  159  160  161  162  163  164  165  166  167  168  169  170  171  172  173  174  175  176  177  178  179  180  181  182  183  184  185  186  187  188  189  190  191  192  193  194  195  196  197  198  199  200  201  202  203  204  205  206  207  208  209  210  211  212  213 próximo »


Hospital do Câncer de Londrina


CONTATO
contato@nossoclick.com
antonio.zaneti@gmail.com
(43)99920-1893



TV Na Rua / CornelioDigtal / BandDigital- 2007 - 2014