:Piloto de helicóptero desaparecido em São Paulo tem histórico de irregularidades

Piloto de helicóptero desaparecido em São Paulo tem histórico de irregularidades - TV Na Rua CornelioDigital Piloto de helicóptero desaparecido em São Paulo tem histórico de irregularidades - TVNaRua Cornelio Digital - Notícias, Eventos e Entretenimento
Piloto de helicóptero desaparecido em São Paulo tem histórico de irregularidades

Um helicóptero com quatro pessoas desapareceu a caminho de Ilhabela. O piloto Cassiano Tetê Teodoro, de 44 anos, chegou a ter a licença cassada, mas voltou a voar.

Anac investiga se havia operação clandestina de táxi aéreo de helicóptero que desapareceu entre São Paulo e Ilhabela

No dia 31 de dezembro, Cassiano Tetê Teodoro, de 44 anos, decolou de São Paulo com destino a Ilhabela, no litoral paulista.

A bordo do helicóptero Robinson R44 estavam três passageiros:

  • Raphael Torres de Oliveira, de 41 anos,
  • Luciana Rodzewics, de 46 anos, e sua filha
  • Letícia Rodzewics, de 20 anos.

Imagens enviadas por Letícia indicaram más condições climáticas durante o voo, na altura da Serra do Mar, levaram o piloto a pousar em uma área no meio do trajeto, cerca de uma hora após a decolagem.

A Polícia Civil localizou o ponto de pouso, situado na região da represa de Paraibuna. Entretanto, o helicóptero e seus ocupantes permanecem desaparecidos.

A Força Aérea Brasileira, à frente das buscas, acredita que a aeronave teria pousado em uma área descampada na região da represa. O helicóptero, não certificado, não poderia operar sem condições de visibilidade.

Letícia, a mais jovem a bordo, trocou mensagens com o namorado, alertando sobre o mau tempo e o medo, relatando o pouso no matagal e a tentativa de seguir para Ilhabela.

As famílias aguardam informações enquanto equipes de busca da FAB percorrem uma área montanhosa de mais de 5 mil quilômetros quadrados.

A ANAC investiga se o voo foi contratado pelos passageiros.

Cassiano Tetê Teodoro não possuía licença para realizar voos comerciais. Seu histórico inclui episódios de irregularidades, inclusive uma cassação anterior.

Em janeiro de 2020, um pouso de emergência em um edifício de São Paulo revelou que o piloto voava com excesso de peso.

Em setembro de 2021, Cassiano Tetê Teodoro teve sua licença de piloto cassada devido a um incidente envolvendo uma fiscalização da Anac no Campo de Marte, em São Paulo. Durante essa ação, o piloto teria tentado fugir dos fiscais. Por isso, a agência considetou que ele teve uma conduta grave de fraude. A Anac impôs a pena mais rígida que pode aplicar: a cassação da licença para voar.

Mesmo com a suspensão, após cumprir as exigências, Cassiano recuperou sua licença e estava autorizado a voar normalmente.

Visualizações 85
Fonte: G1
Por: Redação
Data: 07/01/2024 21h23min

Hospital do Câncer de Londrina


CONTATO
[email protected]
[email protected]
(43)99920-1893



TV Na Rua / CornelioDigtal / BandDigital- 2006 - 2023