Sétima e íºltima aventura de Harry Potter, ''The Deathly Hallows'', sai em 21 julho na Inglaterra, mas o tí­tulo em português já está praticamente definido:O Último Harry Potter, 'As Insígnias Mortais', deve ficar pronto em julho

O Último Harry Potter, 'As Insígnias Mortais', deve ficar pronto em julho - Cornelio Digital.com - O Portal da Família


O Último Harry Potter,

A sétima e íºltima aventura de Harry Potter, ''The Deathly Hallows'', sai em 21 julho, na Inglaterra, mas o tí­tulo em português já está praticamente definido pela tradutora Lia Wyler e a editora Rocco. Deve ser ''As Insí­gnias Mortais'', se aprovado pela autora, J.K. Rowling, que lê em português. ''Escolhemos insí­gnias porque Hallows - com maiíºscula, senío o sentido é outro - tem vários significados, sempre ligados a sí­mbolos do poder ou de divindade. Se ela tratasse de temas cristíos, poderiam ser relí­quias, mas como suas referências sío célticas, preferi insí­gnias, que podem ser o caldeirío, a espada ou o cinto dos antigos mestres de Harry Potter'', diz Lia. ''Como ainda nío conhecemos o enredo dessa histíria, o tí­tulo nío é definitivo, mas dificilmente vai mudar.''

Lia traduz Harry Potter desde a primeira aventura e seu trabalho sempre agradou a J.K. Rowling, que morou em Portugal e, por isso, conhece a nossa lí­ngua. A autora cuida pessoalmente de todas as traduções e, na sexta aventura, elogiou o tí­tulo ''O Enigma do Prí­ncipe'' para a ediçío brasileira de ''The Half Blood Prince'', tí­tulo original.

''A autora gosta de usar palavras de sentido díºbio ou de difí­cil traduçío, o que deixa a nís, seus tradutores, em situações difí­ceis'', brinca Lia, que é professora de traduçío na PUC do Rio - traduziu também Tom Wolf, John Updike e Margareth Atwood - e autora de ''Lí­nguas, Poetas e Bacharéis, Uma Crônica das Traduções no Brasil'', uma histíria do ofí­cio desde a colônia. ''No caso de ''half blood'', essa dificuldade sí ocorreu nas lí­ngua latinas, nas quais a expressío meio-sangue nío é usada para pessoas, sí para animais. Nas lí­nguas anglo-saxís e outras, essa dificuldade aparentemente nío existe. 'Deathly Hallows' virou insí­gnia mortal, que pode tanto se referir a quem mata ou quem morre.''

A partir de 21 de julho, Lia estará í s voltas com Harry Potter, que normalmente lhe toma mais de três meses, em jornadas diárias de dez horas. Mas entre uma aventura e outra, ela nío pára. Recentemente traduziu ''Edgar & Ellen nos Subterrâneos da Cidade'', de Charles Ogden (Rocco), ''Os Gêmeos da Lâmpada'', de P.B. Kerr (Rocco), ''Um Sonho Americano'', de Norman Mailer (L&PM), ''Meu Pescoço í‰ um Horror'', de Nora Ephrom (Rocco), e ''O Aprendiz de Caça-Feitiço'', de Joseph Delaney (Bertrand Brasil).

Visualizações 754
Fonte: Agência Estado
Por: Antonio Delvair Zaneti
Data: 14/02/2007 17h23min

JG FreiosSampei Cozinha ChinesaNoemi LanchesProdutos AlcobaçaBrasilnet Hospital do Câncer de Londrina
CONTATO

contato@nossoclick.com
antonio.zaneti@gmail.com
(43)99920-1893
TV Na Rua / CornelioDigtal / BandDigital- 2007 - 2014