:Trabalhadores realizam protestos contra paralisação da retomada de construção da Escola William Madi

Trabalhadores realizam protestos contra paralisação da retomada de construção da Escola William Madi - TV Na Rua CornelioDigital Trabalhadores realizam protestos contra paralisação da retomada de construção da Escola William Madi - TVNaRua Cornelio Digital - Notícias, Eventos e Entretenimento
Trabalhadores realizam protestos contra paralisação da retomada de construção da Escola William Madi

Funcionários contratados pela empreiteira prejudicados pela paralisação da obra, fizeram manifesto em frente à prefeitura de Cornélio Procópio.  

Na manhã desta terça feira, 26, vários trabalhadores se manifestaram pelas ruas de Cornélio Procópio contra o atraso em seus vencimentos devido a nova paralisação da obra de construção da Escola William Madi em Cornélio Procópio.  

Os trabalhadores não conseguiram sequer uma resposta oficial sobre seus vencimentos ou se a obra deverá ou não ser retomada.

Como já publicamos (clique aqui e reveja) são mais de 27 trabalhadores e pais de famílias que estão com seus salários atrasados desde o dia 5 deste mês.

Na manhã desta quarta feira, 26, houve uma reunião entre os funcionários prejudicados, um dos engenheiros da Nakazima e a fiscal da obra,  a professora Regina Michellato.

De acordo com o que disse o engenheiro Pedro, da Nakazima, o órgão do estado responsável pelos pagamentos, a Fundepar,  ainda não pagou por uma medição de uma obra em Ponta Grossa, o que comprometeu o capital de giro da empresa. Segundo Pedro, o pagamento citado era para ser feito no último dia 25 e até o momento não aconteceu.

Do outro lado, a Chefe do Núcleo Regional de Educação, Maria Aparecida Ribeiro, informou que o estado nada deve para a empreiteira.

Os funcionários alegam que, antes da paralisação o andamento da obra já vinha literalmente se “arrastando”, onde faltavam vários materiais elementares para a construção. Os trabalhadores disseram que durante as últimas semanas, alguns fornecedores, que também ficaram no prejuízo, recolheram materiais de construção que estavam no local, comprometendo mais ainda a sequência dos trabalhos.

Os trabalhadores se manifestaram em frente à obra no Jardim Figueira,  na sequência se dirigiram para a frente do Núcleo Estadual de Educação e Prefeitura do município. Eles contam com ajuda do Sindicado dos Trabalhadores da Construção Civil de Cornélio Procópio. 

Fotos e reportagem Odair Matias.

Visualizações 345
Fonte: Odair Matias
Por: Redao
Data: 26/09/2018 19h54min


« anterior [1]  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14  15  16  17  18  19  20  21  22  23  24  25  26  27  28  29  30  31  32  33  34  35  36  37  38  39  40  41  42  43  44  45  46  47  48  49  50  51  52  53  54  55  56  57  58  59  60  61  62  63  64  65  66  67  68  69  70  71  72  73  74  75  76  77  78  79  80  81  82  83  84  85  86  87  88  89  90  91  92  93  94  95  96  97  98  99  100  101  102  103  104  105  106  107  108  109  110  111  112  113  114  115  116  117  118  119  120  121  122  123  124  125  126  127  128  129  130  131  132  133  134  135  136  137  138  139  140  141  142 próximo »


Hospital do Câncer de Londrina


CONTATO
contato@nossoclick.com
antonio.zaneti@gmail.com
(43)99920-1893



TV Na Rua / CornelioDigtal / BandDigital- 2007 - 2014