:Após Anitta, Sandy vira vítima e se manifesta pela primeira vez sobre Bolsonaro

Após Anitta, Sandy vira vítima e se manifesta pela primeira vez sobre Bolsonaro - Cornelio Digital.com - O Portal da Família
A classe artística brasileira está sendo bombardeada pelos eleitores de Jair Bolsonaro, e após Anitta, a mais nova vítima foi ninguém menos que a cantora Sandy.

Após Anitta, Sandy vira vítima e se manifesta pela primeira vez sobre Bolsonaro

Ela teve o seu nome envolvido em uma falsa notícia (fake news), que revelava um suposto apoio da famosa ao presidenciável.

Tal informação exibia uma foto de Sandy com a seguinte frase: “Quem me conhece e acompanha minha vida e minha carreira desde criança, sabe perfeitamente o porquê de eu concordar com os valores defendidos pelo Bolsonaro”.

Sua equipe, imediatamente, desmentiu a informação.

Sandy (Foto: Reprodução)

Sandy (Foto: Reprodução)


 

A declaração teria sido feita durante um show no dia 18 de agosto em Curitiba (PR), e a assessora de imprensa Rogéria Takata revela que não houve nenhum show e nenhuma declaração sobre o assunto.

“Trata-se de fake news. Não fizemos show em Curitiba neste ano ainda. Tampouco a artista fez algum tipo de declaração com teor político”, explica.

Sandy (Foto: Reprodução)

Além de Sandy, famosos como o ex-jogador e técnico de futebol Rogério Ceni, o ex-treinador Zagallo, o ex-tenista Guga Kuerten, e até Silvio Santos, dono do SBT, estão sendo vítimas desse tipo de notícia falsa, que ligam seus respectivos nomes ao do controverso candidato.

ANITTA

Daniela Mercury resolveu cobrar o posicionamento Anitta em relação ao candidato Jair Bolsonaro. Em seu perfil no Instagram, ela desafiou a cantora e a convocou para as ruas, com o objetivo de lutar contra as propostas do presidenciável.

Anitta (Foto: Reprodução)

“Vamos, Anitta?”, convidou Daniela, que está engajada nas manifestações do movimento #EleNão, que acontecerão no próximo dia 29 de setembro. No mesmo vídeo, Daniela Mercury ainda chama Bolsonaro de machista, homofóbico e racista.

“Eu estou aqui para convidar todas as mulheres brasileiras para ir às ruas no dia 29 de setembro. Ele não! E eu gostaria de desafiar minha amiga Anitta para apoiar o movimento Ele Não! Vamos, Anitta?”, convidou Daniela.

Agora, diante da pressão, Anitta finalmente se posicionou. Ela deixou claro que não apoia Jair Bolsonaro e ainda fez questão de cobrar o posicionamento de Ivete Sangalo, Claudia Leitte e Preta Gil.

O vídeo você confere a seguir:

Confira o vídeo de Daniela Mercury a seguir:



Vale lembrar que, antes da cobrança de Daniela Mercury, durante um show na noite da última sexta-feira (21), Anitta foi pressionada por seu público, com cartazes pedindo que ela aderisse à hashtag.

Daniela Mercury (Foto: Reprodução)

Em desabafo feito em cima do palco, a cantora novamente deixou claro que não precisa aderir a uma hashtag para que sua posição sobre temas polêmicos seja evidente.

“Assim como vocês eu sou humana e tenho momentos difíceis na minha vida. E nem sempre a gente está preparado. O posicionamento não significa uma hashtag. O posicionamento significa toda uma vida que a gente trabalha e a gente faz. As nossas atitudes falam muito mais do que qualquer coisa que a gente possa dizer, postar”, disse.

“DISPENSO”

Anitta se revoltou com as mensagens de “apoio” que recebeu de Flávio Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro. Depois de toda a polêmica, ele gravou um vídeo, dando a entender que a cantora apoiava o seu lado e dizendo que ela estava sendo perseguida.

“Há uma perseguição covarde a artistas que se posicionam publicamente a favor de Bolsonaro”, disparou no vídeo publicado em seu canal.

Anitta (Foto: Reprodução)

“Há uma pressão aí que ela se posicione contra o Bolsonaro. Não sei qual é a preferência político-partidária dela, mas vocês têm que entender o seguinte, parem de ficar patrulhando a vida dos outros”, completou.

Agora, diante da situação, a cantora “explodiu” em seu perfil no Instagram e fez um novo desabafo, deixando claro que não apoia candidato homofóbico e machista.

“Eu vim aqui mais uma vez falar sobre eleições, estão usando meu nome para travar campanha e discursos políticos do qual eu não faço parte. Ontem eu me pronunciei pelas redes sociais dizendo claramente sobre quem sou eu e no que eu acredito”, iniciou.

“Eu disse que eu não voto em candidato machista, eu não voto em candidato homofobico, racista e por ai vai. A gente vive em uma democracia, eu respeito a escolha de voto de todo mundo, eu não vou participar de jogo politico e mais uma vez repito, que eu não gostaria de ver a minha imagem atrelada a isso”, completou, revoltada.

Na publicação, ela se referia ao seguinte vídeo:

O posicionamento de Anitta sobre o assunto você confere a seguir:

Visualizações 530
Fonte: TV Foco
Por: Redação
Data: 26/09/2018 22h57min


    

JG FreiosSampei Cozinha ChinesaNoemi LanchesProdutos AlcobaçaBrasilnet Hospital do Câncer de Londrina
CONTATO

contato@nossoclick.com
antonio.zaneti@gmail.com
(43)99920-1893
TV Na Rua / CornelioDigtal / BandDigital- 2007 - 2014